Já estou cheio de me sentir vazio Meu corpo é quente e estou sentindo frio

Oh My , eu sou uma aprendiz de ultra-romântica! Foram tantos sofrimentos, travesseiro molhado por lágrimas, era uma dorrr que não tinha fim — até o fim de 1 mês porque, não, eu nunca me mato por um amor não correspondido. Apenas sofrio em silêncio enquanto continuo a ser a menina espirituosa e sorridente de sempre para os outros. Quantas amiguinhas não matei de susto ao verem de repente meus olhos vermelhos e uma lágrima prestes a cair? Como se não fosse eu naqueles instantes. E por quanto tempo não acreditei que me entregava inteiramente ao sentimento? Que vergonha, eu queria mesmo era ser um gênio atormentado.
Nesses anos de adolescência(incluindo pré e pós) tive tantas paixões que me impressiono. Às vezes duas ao mesmo tempo. Oh, coração dividido! Até que eu cresci, ou comecei a. Hoje, passado não muito tempo, já tenho vontade de rir ao olhar para trás. Do último eterno amor ficaram umas poucas palavras que acho bonitas, ainda que pareçam distantes. Só me equivoquei ao passar de um extremo ao outro, mas nada que 2 ou 3 anos não cure. Porque agora, vocês sabem, penso em moços casadoiros e falo de filhos, vislumbrando possibilidades. E faço experiências com exageros tão somente escritos.Engraçado como as coisas mudam tão rapidamente e o que doeu até uns dias atras já não tenha a menor importância.
Sabem aquela minha história de que “quem tem que ficar na vida da gente , fica .E fim de papo” , é bem por ai.Ainda bem , porque quem ficou aqui, com todo o sentimento que eu encostei num cantinho mas não apaguei, ficou.Ufa.Mas desafios surgem o tempo todo, não pra mim porque agora , vejam só eu sei exatamente o que eu quero.Vai ver é porque comecei a viver o presente , desencanei do passado e futuro, bom do futuro eu nada sei então não vou pensar muito nele.Pior de tudo é que está certeza acho que já existia em mim ,mas minha preguiça e meu medo me impediam de assumir tudo isso.Eu sei o que quero.
Minha vida está tão boa (raro eu dizer isso por aqui né?) , no fundo ela sempre foi assim, os problemas existem claro, e são os mesmos de sempre .Mas está tudo “ótemo”, a vida precisa dar vários tapas na nossa cara e chamar a gente de puta pra gente entender quais são as coisas que realmente tem valor, quais as pessoas realmente importantes e porque vale a pena continuar vivendo,amando,aprendendo,mudando,arriscando o novo, sempre e sempre.
Eu mudo o tempo todo mas a essência é a mesma eu garanto.Existe uma estranha paz por aqui , que eu não entendi ainda e portanto não consigo explicar , será a idade da razão?Hummm, que medo.Mas vou curtir esse sossego todo.Olhem só, existe uma coisa que eu tenho que falar pra alguém , que eu disse que diria ,mas quando vou dizer eu não digo (tá é confuso mesmo).Mas o caso é que a um mês atras isso me consumiria a tal ponto de me deixar de mal humor, agora não é só mais uma coisa a vencer.O que me resta são minhas anotações mentais do tipo “Você pode esperar o clima de Natal ou pode falar agora, ou daqui a um tempo, e mais um pouco depois, e em dezembro também. Pode dar o primeiro passo ou sorrir de volta. Pedir perdão, quem sabe. Perdoar. Pode até pegar um avião para “Marselha”, se tem coragem o bastante. Ou não se afobe não, dizem que não tem pressa, pode esperar. Talvez não para sempre. A decisão é sua. ” , mas a anotação vai embora tão logo eu digo Alô.Faz parte , eu sempre tenho coisas pra dizer , não que eu diga , vai ver é por isso que eu escrevo.Não digo também porque eu sempre acho que entendi alguma coisa errada e que assim que eu disser o que eu quero muito dizer as pessoas vão rir e dizer que eu confundo tudo (e isso é verdade , falei pra “minha menina” isso neste fim de semana, eu nunca entendo o que as pessoas querem me dizer).
Eu passo o tempo todo tentando imaginar o que está passando pela cabeça das pessoas e quais são as coisas que a pessoa quer e merece ouvir neste momento.Será que alguém pensa assim comigo também?Se pensa então porque não me fala?Mas fala pausamente sem frases que podem demosntrar um duplo sentido .Bah.Mas eu vou falar e depois que eu falar muita coisa vai mudar…ou não.
Ai Ai Ai.
A quem interessar posso, estão acontecendo uma série de coincidências (ou não) na minha vida, as vezes elas me assustam, mas na maioria das vezes elas me confortam.

“Amnésia, você devia fingir isso de vez em quando, e comprar lírios(mas pode ser orquídea) mesmo que ela diga que não gosta de ganhar flores, e contar uma mentirinha dessas bem mal contadas que não enganam e são um charme. Não vire um estranho, você é o cara dos sonhos dela(sem ela ter sonhado). E o olhar de encanto é dos melhores que existem. “

Deixe um Comentário