Nestes dias cinza não há posts porque vivo no inferno.

Adeus… E nem Voltei
(madredeus)

Adeus, dissemos
e nada mais de então ficou
de asas quebradas
foi a ave branca que voou
Voa lá alto, que eu morro, bem sei, sem voltar
Cantem as aves do monte qu’eu fui ver o mar.. .

Ai,
não sei de mim;
Ai,
não sinto nada..
Ai,
e nem,
voltei.

Deixe um Comentário