A tiger’s waiting to be tamed

Ninguém disse que seria facil.Mil vontades de chorar e desistir.Mas eu desisto de tudo aquilo que pode no menor movimento causar algum tipo de dor.Não gosto de dor, isso não é novidade.Também não gosto de brigas, então tento o máximo que acho que vai agradar.Agrada por uns instantes até eu cometer o erro de comentar que aquela não era totalmente a minha vontade.E nem é em tom de critica, no fundo é pra demontrar a admiração e o carinho que se tem pela pessoa que recebeu de brinde a minha renuncia.E olha que eu tendo a personalidade (ruim) que tenho esse vilipendio deveria valer ouro.Mas de nada vale, não tras benefico a mim e nem a qualquer outro.No fundo faço e aguardo algum reconhecimento.Achava que quem batia demais o pé só tinha a perder, mas vejo que quem não bate nada não chega a lugar nenhum.O caso é que o bater de pé causa a briga e eu não gosto de brigas.E é ai que tudo se torna extremamente paradoxal e eu volto a ser exatamente quem eu sempre fui, o ser confuso de sempre.
Não sei que atitudes tomar com relação a você,não sei o que pode ou não ser dito.Ou talvez não saiba apenas lidar com suas reações.
Esta tarde eu quis desistir, porque doeu.Doeu saber que o que havia acontecido em seu sentido maior não havia valido de nada, que o que havia de mais importante estava nas palavras escritas onde eu te convidava “come share my life“.Você não me conhece ou não quer me enxergar apenas?Já não sei mais.Eu quis que tudo acabasse pra não precisar passar pelo que eu enxerguei hoje a tarde.E confesso que essa idéia ainda paira por aqui numa poça de magoa.
Mas mas uma vez eu vou telefonar, embora correr atras de você esteja cansando.
acho que estamos entrando numa fase em que tudo ao redor ira atrapalhar, os animos vão se exautar,vão haver magoas, e cabe a nós entrar nesse clima ou não.Li uma coisa logo que sai do trampo hoje e sei que se eu abri nesta página deste livro é porque tem um motivo maior e talvez ainda seja por isso que eu rasteje tanto e acho que vale a pena cada escoriação ganha.

“A quem muito foi dado,muito será pedido”[você sabe onde encontrar o texto]

Ganhamos muitas coisas nos ultimos dias, mais até do que um dia fora nosso desejo.Hoje então ganhamosmais ainda, tantas coisas boas.Mas nos fazemos de cegos.Se fossemos realmente cegos não haveria culpa nisso, mas nãosomos.Vamos brigar por aquilo que temos de bom e tentar enxegar defeitos um no outro.Você entende o que eu digo quando você quer.E eu tolero sua intolerancia quando quero.Vou tentar trabalhar isso de uma formamais branda , te peço que as vezes só as vezes raciocine sobre as coisas que eu te digo antes de tomar suas atitudes, pois são elas que em toda nossa história de vida acabam nos separando.
Não quero que entre nós exista ummartir e um tirano, isso vale para nós dois.Deveriamos estar unidos e não um contra o outro.Hoje podia ter sido a gota d’agua.Da minha não será.

Clocks [tradução]
by Coldplay

The lights go out and I can’t be saved
Tides that I tried to swim against
Have brought me down upon my knees
Oh I beg, I beg and I plead
Singing
Come out of the things unsaid
Shoot an apple off my head
And a trouble that can’t be named
A tiger’s waiting to be tamed
Singing
You are
You are
Confusion that never stops
The closing walls and the ticking clocks
Gonna come back and take you home
I could not stop, that you now know
Singing come out upon my seas
Cursed missed opportunities
Am I a part of the cure
Or am I part of the disease
Singing
You are, you are
You are, you are
You are, you are
You are, you are
And nothing else compares
And nothing else compares
And nothing else compares
And nothing else compares
You are, you are
Home, home where I wanted to go
Home, home where I wanted to go
Home, home where I wanted to go (You are)
Home, home where I wanted to go (You are)

Deixe um Comentário